Competência auxilia na experiência. Marketing e design no processo.
Postado por Jankiel Mocellin Ribeiro 20/03/19

Muito se fala neste mundo que a competência para a conversão tem regras práticas e objetivas. Porém quando se pede quais seriam essas regras poucos conhecem.

Então o que seria regra acaba ficando como dados soltos sem a coerência necessária para atrair o público e gerar o engajamento necessário para a conversão.

Marketing precisa de design e design do marketing.

Vamos entender um pouco.

 

Várias perguntas estão na cabeça do consumidor, às vezes por instinto. Mas ele quer a experiência e muitas vezes pergunta o que não sabemos ou deveríamos saber, pergunta algo genérico esperando uma resposta baseada em uma história de convencimento e que fale a língua dele. Leads são bons mas trazer ele para uma experiência é muito melhor. Pois ele irá comprar muito mais que uma vez e irá indicar o seu produto para quem realmente precisa.

 

O vendedor precisa de conteúdo para ofertar, a empresa precisa de uma história para vender. Estereótipos que são talvez a primeira impressão devem ser bem orientados para não despertar uma empatia desfavorável para vender depois. Não precisa ser um personagem para vender, seja honesto e entregue realmente o que foi vendido, seja em um produto ou serviço. Se puder entregar mais melhor, porém cuidado com as promessas para não afastar esse cliente e gerar um buzz negativo, afinal quem promete demais entrega menos.

 

Saiba responder alguns questionamentos que envolvem tanto o design quanto o marketing e seja um facilitador na hora de ofertar seus produtos e serviços. Vamos às perguntas que muitos gostariam de obter respostas quase que instantâneas.

 

  1. Visualmente podemos atrair uma venda através de postagens bem elaboradas com conteúdo visual rico e psicologia das cores?

Marketing digital é muito importante e 24hs por dia, porém se ele não gera um engajamento é porque falta efetividade e controle. Isso não é difícil de ser executado e muitos podem fazer, porém o tempo que isso leva muitas vezes afasta a empresa de obter êxito. Tire um tempo para isso ou contrate alguém para fazer por você.

 

  1. Mas quais as palavras chave para isso acontecer de forma mais precisa? Para quem estamos falando e de que modo?

O público alvo é muito importante na hora de apresentar e vender um produto ou serviço, porém existem palavras chave que convertem mais que outras, faça uma breve pesquisa sobre palavras chave e utilize-as em suas ações. Com o filtro de público e o mais importante uma persona definida você atinge objetivos mais facilmente. Observe não disse que é fácil, disse que com mais objetividade você alcança melhores resultados.

 

 

  1. Como conquistar na ponta do processo o cliente final sem conhecer realmente o produto que está sendo ofertado?

Quem são seus vendedores? É bom ter plena consciência que eles estão engajados com seu produto, entendem de processo, respeitam e procuram ter empatia na hora de ofertar produtos que estão oportunizados em um trabalho de marketing digital. Se eles não acompanham o que sua empresa proporciona para os mesmos com ferramentas de auxílio na hora da venda, seus esforços e seu investimento não gera resultados.

 

  1. Qual é a história que este produto proporciona para o consumidor?

Storytelling, a arte de contar histórias de sucesso deve ser algo presente em sua empresa. Afinal o que melhor que contar uma boa história para convencer que o produto ou serviço pode ofertar algo que ele jamais imaginava. Boas histórias podem gerar engajamento, risos, empatia e similaridade com situações cotidianas que facilitam o envolvimento. Não é necessário ofertar o produto no formato é tudo ou nada. Pois se agora não for efetivado em um futuro próximo será e você será lembrado.

 

  1. Ele é uma venda que ocorre por necessidade ou commodities?

Independente de qual for a venda, primeiramente devemos atrair o consumidor para a venda, nem sempre o consumidor sabe o que realmente quer. Hoje ele pesquisa bastante antes de efetivar uma compra. Mas o importante é despertar a necessidade sobre tal produto ou serviço. Com cautela, o modo como isso é feito pode ser bom para seu concorrente efetivar a venda. Por isso tenha métodos de abordagem, apresentação e fechamento.

 

 

 

Proporcione boas experiências e conte-me depois como foi o resultado.

Precisando de algo estou aqui para te auxiliar.

Grande abraço.

 

Jankiel Mocellin Ribeiro

CEO Agência Taura

Professor Universitário no Grupo Unifitec

 

Formação:

Bacharel em Design Gráfico

MBA em Marketing Estratégico e Ciências do Consumo

Especialização em Marketing Digital Udacity

 

Compartilhe

separador